MODA PARA EMPODERAR | Conheça Toda Frida e a coleção Fight Like A Girl

Lutar como uma garota sempre foi sinônimo de fraqueza. Ser comparado a uma garota era algo humilhante pra meninos de todo o mundo. A ideia de que mulheres são seres frágeis e indefesos, incapazes de vencer batalhas e lutas, sejam elas quais forem, ainda é disseminada por aí, viu? O mais irônico disso tudo é que a mulher vem vencendo suas lutas com o passar do tempo, mesmo sendo posta pra trás, sendo violentada, discriminada e deixada de lado em diversas áreas da nossa sociedade. Somos fortes, empoderadas, guerreiras e lutadoras! E nós estamos vencendo, vivendo uma revolução. Formando e criando meninas pra se enxergarem como verdadeiras heroínas. Pra vencerem a batalha que é SOBREVIVER sendo mulher.

“Você luta como uma garota!”

“Obrigada!”

E é com base nessa ideia que a Toda Frida, marca de Santa Catarina, formada por mulheres maravilhosas, desenvolveu a coleção “Fight Like a Girl” onde através das ilustrações da talentósíssima Kaol Porfírio mulheres poderosas da cultura POP, games, filmes e séries, são representadas como verdadeiras heroínas que são ,para empoderar mulheres na vida real e mostrar que lutar como uma garota é um GRANDE elogio! Quando podemos usar a moda pra exaltar a luta feminina, estamos mais uma vez rompendo barreiras e tomando nosso espaço de direito!

Eu escolhi algumas das minhas personagens preferidas e vou mostrar pra vocês essa coleção feita com todo carinho, 100% handmade, onde a principal matéria prima é o AMOR!

Confere comigo!

Rey – Star Wars <3

13101129_1084220518300759_853729129_n

13115742_1084220571634087_1503179701_n

Jessica Jones <3

Veja o post completo

REPRESENTATIVIDADE! 10 cosplays maravilhosos feitos por mulheres GORDAS!

Ah, como eu amo quando somos representadas de maneira tão linda!

Não é novidade pra ninguém que o meio nerd é bem machista e preconceituoso. Mulheres que se interessam por temas relacionados a cultura pop, geek, gamer e nerd em geral, sofrem pra serem respeitadas e bem tratadas pela massa masculina que ainda se acha dona do mundo. É uma pena que essa classe que tanto se diz “excluída” ainda exclua tanto também. Mas nós já não nos calamos nem nos reprimimos mais. Estamos ganhando voz em todas as áreas e não vai ser nessa que ficaremos pra trás, né? Se a mulher gorda já é excluída e hostilizada só por existir na sociedade, agora imagina num meio que já é misógino e preconceituoso por si só? Pois é, é exatamente por isso que mulheres que OUSAM serem maravilhosas nisso, devem ter toda nossa admiração e respeito!

Bóra conferir algumas dessas lindezas?

 

#11

 

#2

8

 

#3

Veja o post completo

Tá, mas e a coleção plus-size da Renner, hein?

Eita, santa polêmica!

Lembram que semana passada eu contei toda contente nesse post aqui, que a Renner tinha anunciado o lançamento de uma coleção de moda plus-size, certo?

Pois a coleção foi lançada ontem, 30/3 no e-commerce e dividiu opiniões de consumidoras, blogueiras e influenciadoras no meio gordo. Como eu também anunciei e aguardei a campanha com muito carinho e expectativa, venho contar pra vocês o que eu achei disso tudo!

Eu confesso que esperava mais em vários aspectos. Esperava roupas mais jovens, muito mais street, mais glam, mais tendência. E olha, eu valorizo muito a moda mais básica, mais elegante.. Mas nem toda gorda tem estilo mãe-bem de vida-mulher de negócios. Mulheres gordas são diferentes entre si, elas tem estilos e necessidades diferentes. Eu, por exemplo, queria muito aquelas roupinhas da Renner na sessão mais teen, com shortinhos e aplicações, com metais, franjas e muito brilho. Mas não, dificilmente entro nessas roupas. Eu preciso usar de toda a minha criatividade, malemolência e acessórios pra tentar chegar perto do que eu gosto como estilo pra mim.

oiee

E o preço? Passeando pelas lojas nós já vemos a diferença dos preços antigos para os atuais da Renner. Tá tudo mais caro na moda tradicional, agora imagina a moda plus-size. O problema disso tudo é o abuso nos preços plus por coisas muito simples. Pode não ser a coisa mais linda, mas você ainda encontra blusas por menos de 50 realidades nas prateleiras convencionais. Na plus, uma simples batinha básica tá 3 vezes esse valor. Achei caro, como tudo.

E os tamanhos? Quando anunciaram uma coleção APENAS plus, eu achei que os tamanhos seriam muito mais inclusivos. Achei que minhas amigas mais gordas iam poder comprar comigo. Achei que no mínimo, mais uns dois ou três números acima dos que lançaram, estariam lá. Eu juro de coração que esperava isso.

Achei várias peças um amor. Como calças skinny que eu tanto tenho dificuldade de encontrar na Renner, agora estarão lá, prontas pra usar. E eu amei que algumas peças que antes eu REALMENTE não cabia, agora caberei. Porém sim, só as mais básicas. Mas é aquele esquema: Antes nem as mais básicas eu encontrava. Vou comemorar isso SIM, pq a minha “categoria” de gorda foi (nem que seja um pouco) beneficiada com esse novo passo da Renner. Mas eu também não posso tirar a razão e calar as outras manas gordas que NÃO FORAM INCLUSAS numa coleção que era pra ser inclusiva. Eu vou ouvir o que elas tem a dizer. Assim como eu acredito que elas, de alguma forma, vão respeitar o fato de eu ter achado bacana essa campanha. Apesar de achar que a Renner teria CULHÃO pra lançar algo bem mais LACRADOR e INCLUSIVO pras gordas, também entendo que o mercado é complicado e que as coisas não mudam de um dia pro outro, mas sim, são construções feitas por conquistas menores.

Achei que faltou aquele famoso DIFERENCIAL. Mas gostei de ver que já estão dispostos a mudar muita coisa!

Pra quem quiser conferir a coleção, é só acessar o site da Renner!

#BeijoDaGlai

Veja o post completo

QUE PODER! MC Carol dá a melhor resposta a comentário gordofóbico

Que MC Carol virou musa inspiradora de todas nós, a internet já tá careca de saber, né? Mas que ela vem lacrando cada vez mais com um discurso muito seguro de si e uma atitude que chama a atenção de qualquer pessoa a  gente não pode negar. Com todo o carisma de uma mulher gorda, negra e funkeira, Mc Carol representa tudo de maravilhoso quando o assunto é superar padrões e preconceitos. E sua atitude não é diferente quando se tratando de fãs. Muito poderosa sempre, essa deusa da nova geração não deixa por menos quando recebe críticas carregadas de ódio e preconceito.

Foi o que aconteceu hoje quando uma de suas seguidoras do instagram, deixou o seguinte comentário que segue no print tirado pela própria Carol:

12122469_1137843176283272_3657347166488822955_n

MC Carol com toda sua elegância de mulher poderosa e decidida, deu a resposta BEM explicadinha pra moça!

MC CAROL

Triste quando uma mulher também gorda propaga esse tipo de discurso de ódio contra outra pessoa e contra si mesma. Manas, vale lembrar que não, não nascemos desconstruídas e que sim, em algumas fases de nossas vidas nós também reproduzimos discursos gordofóbicos, machistas e preconceituosos. Nós devemos tentar SEMPRE ajudar o próximo que ainda não alcançou a luz, certo? Acontece também que: Não vamos deixar maldade passar. Não iremos deixar que ninguém nos humilhe, que ninguém nos rebaixe, que ninguém diga o que podemos ou não podemos fazer, ser ou nos sentirmos. Discursos assim podem ser desconstruídos seguindo a dica da Mc Carol, essa linda: SE AME!

#BeijoDaGlai

 

Veja o post completo

Moda Plus com Curvas de Maria | Aprenda a usar moda praia na cidade

Olhaaa ela falando de novo da Curvas de Maria! É que quando a marca é amor a gente fala mesmo e fala com gosto, né?

Vocês lembram desse post  em que eu mostrei vários modelos de biquínis, maiôs e saídas de banho da marca? O Curvas de Maria tem todo um trabalho baseado no fato de que o Brasil é feito de misturas, dos mais diferentes tipos de beleza. Cada mulher brasileira carrega consigo um encanto único. Pensando nisso, e considerando a falta de opções no mercado para tamanhos maiores, ela produz moda que proporciona conforto e elegância à diversos biótipos. Pois bem, pedi pra vocês escolherem o modelo que mais combinava comigo! Não é que vocês acertaram? <3 Confiram agora em primeira mão, titia Glai com modelo de estampa exxxxclusivo do Curvas de Maria!

12516542_1053298188059659_155821450_n

12516348_1053298291392982_82053048_n

12516217_1053298144726330_788986785_n

PARA TUDO! A combinação perfeita pra um maiô lindo desses é a saída de praia DEUSA também do Curvas de Maria! Confere o resultado da combinação AGORA!

12498941_1053297914726353_1470843659_n

12895430_1053297884726356_2103354224_n

12899647_1053298128059665_506272573_n

Veja o post completo

Mulher da a melhor resposta a loja que pôs modelo magra em uma perna de shorts plus-size

Minha nossa senhora protetora do bom senso, ajuda a gente nessa aqui.

Que tem muita marca sem noção no mercado a gente já tá careca de saber, né? É cada campanha RUIM sobre mulheres, e cada publicidade que só presta desserviço a todas nós, que chega a dar uma dorzinha no coração. Não só na moda tradicional como também na moda plus-size. Só que há momentos que algumas marcas SE SUPERAM na falta de respeito e acabam criando situações que só ridicularizam a mulher, principalmente a gorda. Não foi diferente com essa péssima maneira de vender roupas plus-size que essa marca gringa achou.

Tudo começou quando este site de moda da marca ofertou um modelo de shorts plus-size usando UMA MOÇA MAGRA dentro de UMA DAS PERNAS DO SHORTS. Gente, parece pegadinha, mas não é. SÉRIO, o pessoal no MKT da loja devia ter bebido alguns ácidos fortes pra aprovar um negócio desses. NOSSA SENHORA, SEGURA A MINHA PRESSÃO QUE EU NÃO TO BEM.

enhanced-22075-1457783006-1

GENTE, pelo amor de JESUS NUMA BICICLETA, não dá mais pra fazer isso não, ok?

Acontece que as gordas maravilhosas que existem pelo mundo a fora não deixaram barato. Representadas pela linda plus-size designer Christina Ashman, a loja teve a resposta merecida. Ela resolveu fazer o contrário da marca e colocar uma saia pequena ao redor da sua coxa, pra mostrar o quão RIDÍCULA a imagem original era. Olha esse lacre aqui, manas!

enhanced-1588-1457782973-1

MARAVILHOSA, NÉ? Essa linda, que VIVE de moda, diz que a imagem tem sido muito compartilhada nas redes sociais e que isso é incrível, já que muitas pessoas tem acordado pro assunto! Em entrevista ao Buzzfeed ela ainda diz:

“Quando eu vi eu só conseguia pensar que era a pior ação de marketing que eu já tinha visto! Se você vende um produto pra um tipo de público, você deve mostra-lo representado pelo mesmo tipo de público! Shorts plus-size devem ser exibidos por mulheres plus-sizes vestindo as duas pernas, não por um corpo pequeno vestindo apenas uma.” 

E ela completa com:

“Pessoas existem em todos os tamanhos, formas e cores, mas apenas uma pequena parcela é usada para vender roupas. A industria da moda tenta fazer com que pessoas odeiem seus corpos pra que eles ganhem dinheiro, isso não é certo”

Nós concordamos MUITO com você, Chris, SUA LINDA <3

Ela ainda usa pessoas dos mais variados tipos de corpos pra vender as roupas no seu site AQUI.

enhanced-22018-1457784961-1

Tá na hora das marcas acordarem e usarem  toda a diversidade de formas, cores e tamanhos pra representar de maneira correta e digna suas consumidoras! Nós sustentamos a moda plus-size. Tá na hora de romper aqueles padrões que NÃO SERÃO MAIS ENGOLIDOS e serão combatidos de frente caso insistam em nos encaixar.

Preconceito já não mais passará.

#BeijoDaGlai

 

 

 

Veja o post completo

Campanha em prol da liberdade feminina |Dê um passo a frente, EMPODERE-SE

Dê um passo a frente, Empodere-se! <3

tapete-piso-1

Real Tapetes, junto com a Inove Tapetes e EUZINHA, apoiamos o empoderamento da mulher! #empoderese

Que estamos vivendo uma revolução nós todas já sabemos, né? Acontece que por vivermos anos sob uma linha invisível do que podemos ou não podemos fazer, ser, vestir, falar ou até mesmo SENTIR, é que todos os dias trabalhamos duro pra nos libertarmos dessas idéias retrógradas de que mulheres são seres inferiores e devem obediência ou submissão. É por acreditar com todo meu coração que podemos desconstruir o machismo do nosso dia-a-dia, que a titia Glai aqui entrou de cabeça na campanha #EMPODERSE, que busca através de mensagens de empoderamento, fazer com que nós mulheres demos o primeiro passo em busca da descoberta do nosso real valor e lugar no mundo.

Eu sempre falei pra vocês, minhas leitoras de fé, que uma mulher empoderada pode mudar a vida de muitas outras ao seu redor, não é mesmo? Um passo em direção a liberdade feminina pode significar a revolução de uma nação inteira. Lembro quando em um passado não muito distante, eu ainda me sentia presa em regras e padrões que não me pertenciam, não me encaixavam. Confesso que até hoje as vezes pego-me punindo-me por não acompanhar muitos dos modelos sociais e estéticos que cresci ouvindo serem os ideais. Isso acontece pelo fato de que desconstruir algo que nos é enfiado pela garganta a vida toda, é um processo que precisamos alimentar todos os dias. O empoderamento é feito de passos, feito de atitudes positivas sobre si mesma, e principalmente, feito de paciência e garra. Foi me informando sobre lutas de outras mulheres, observando suas batalhas diárias e apoiando sua liberdade de escolha que eu percebi que o empoderamento fazia parte do meu caminho, e dele, fiz meu trabalho.

 

Muitos serão os dias em que olharemos pra nós mesmas e duvidaremos do nosso valor e questionaremos nosso lugar no mundo. Muitos serão os dias em que nos farão sentirmos indignas de respeito e amor. Mas muitos serão os dias em que levantaremos a cabeça, juntaremos nossa força e mostraremos que somos, desde sempre, a base da sociedade que sempre apanhou mas nunca desistiu. Nossas filhas, irmãs, sobrinhas.. As mulheres que farão a roda girar no futuro, são as meninas que hoje devemos ensinar tudo que aprendemos sozinhas com muita dor e calos nos pés e o que aprendemos com as mulheres que viveram e morreram pra nos libertar e nos proporcionar direitos básicos. É sobre elas que iremos contar, é por elas que devemos ensinar e são elas que servirão de exemplo para a geração que estamos preparando pra enfrentar o machismo impregnado em quase tudo. Se vocês acham que nós feministas estamos tento muita voz, esperem pra ver nossas filhas.

Eles não querem que saibamos, mas O MUNDO É NOSSO. Mulher, EMPODERE-SE.

Veja o post completo